Fiscalização e Comissão de Qualidade se reúnem para discutir melhorias no departamento

Encontro também mostrou a eficiência do setor nos últimos anos

O coordenador da Fiscalização do Conselho Regional de Enfermagem de Alagoas (Coren-AL), José Weslley, ao lado das fiscais Rosivânia Costa, Claudiane Guimarães e Thalita Sales se reuniram com a integrante da Comissão de Qualidade Thalita Mesquita, nesta quarta-feira (23), no plenário da instituição. Os objetivos do encontro foram discutir melhorias no setor e fazer um mapeamento dos processos realizados pelo departamento.

A fiscalização é responsável por garantir o exercício profissional seguro, de qualidade e eficaz para a sociedade. Essa atividade luta por melhores condições de trabalho para os enfermeiros, técnicos e auxiliares de Enfermagem, abrindo processos e garantindo direitos.


Só em 2021 foram realizadas 193 Certidões de Responsabilidade Técnica (CRT), sendo o maior número da história do Coren Alagoas. Também foram realizadas 116 fiscalizações e 184 processos foram arquivados. O coordenador José Weslley explica que a CRT é um item de notificação durante as fiscalizações.


“O número recorde de Certidão de Responsabilidade Técnica em 2021 reflete, hoje, a nossa capacidade de fiscalização. A gente está fiscalizando o maior número de instituições e, inclusive, instituições que anteriormente não tinham sido fiscalizadas e por não terem sido fiscalizadas não eram notificadas e não tinham a obrigação de certa forma de solicitar setor de responsabilidade técnica”, enfatiza José Weslley.


Outras funções deste departamento são: recebimento de denúncias, constatação e notificação de infrações identificadas, cadastro de empresa de Enfermagem e ações de educação. Para Thalita Mesquita, o encontro foi importante para normatizar o fluxo de processos e trazer mais qualidade na organização, evitando erros e agilizando os trabalhos do departamento.


O presidente do Coren-AL, Renné Costa, reforça que a reunião foi muito relevante e vai dar resultados positivos. “Essa parceria entre o departamento e a comissão vai dar mais qualidade na fiscalização”, afirma o presidente.


3 visualizações0 comentário