Coren-AL capacita mais de 100 enfermeiros sobre protocolo de Manchester

Atualizado: 18 de nov.

O evento faz parte do projeto Coren Capacita e também ofereceu uma palestra sobre Código de Ética


Nesta segunda-feira,

dia 14, o Conselho Regional de Enfermagem de Alagoas (Coren-AL) capacitou mais de 100 profissionais no auditório da Uninassau sobre o protocolo de Manchester em classificação de risco e Código de Ética.


O enfermeiro Hélder Farias palestrou sobre o protocolo de Manchester para enfermeiros das Unidades de Pronto Atendimentos (UPAs) e dos Prontos Atendimentos do Estado de Alagoas. Esse método é o mais utilizado no mundo e permite identificar a prioridade clínica para atendimento, definindo um tempo recomendado até a avaliação médica.


O objetivo da capacitação é oferecer aos pacientes uma assistência mais assertiva, segura e humanizada. Já o conselheiro Esvaldo Silva ficou encarregado de explicar detalhes dos deveres, proibições e direitos do Código de Ética profissional.


O evento faz parte do projeto o Coren Capacita, que já leva conhecimento técnico para outros profissionais.

22 visualizações0 comentário